Qual o signo do Papai Noel?

Este Papai Noel ilustra a embalagem de um presente de Natal

Papai Noel

Adoro, adoro histórias de Natal. Já reparou que elas sempre giram em torno de uma mudança que atende anseios da alma, do coração, e que se concretiza com uma boa dose de magia e encantamento. E  sobre possibilidades e milagres que acarretam boas mudanças. E o símbolo que personifica toda essa capacidade de transformação é ninguém mais, ninguém menos do que ele, Papai Noel.  E para dialogar sobre o simbolismo em torno desta figura, recorri aos signos astrológicos.

Acredito que Santa Claus tem muito do simbolismo de Sagitário, com sua figura alegre, otimista e cheinha.  E também pela esperança que sua figura representa, pelo trabalho de viajar o mundo, distribuindo brinquedos a quem foi bom e punindo quem não se comportou. Reza a lenda que Zeus, rei dos deuses do Olimpo, também conhecido como Júpiter, planeta regente de Sagitário,  sabia ser benfeitor, mas também punitivo.  – como tão bem mostra o personagem Santa Claus do desenho A Origem dos Guardiões, com as palavras  ‘bom’ e ´malvado/desobediente’ tatuadas em seus braços.

santa-rise-of-the-guardians-tattoo-sleeves
A propósito, Júpiter também representa o nosso juiz interno, aquele que aponta o caminho  do coração, da nossa verdade. Por isso, quando não trilhamos essa estrada, ele surge para nos sinalizar tal distanciamento. E,  a partir do momento que estamos conscientes disso, abre-se o universo de possibilidades de magia e transformação associados ao simbolismo de Escorpião.

Outra forte influência é a do eixo Peixes-Virgem. Afinal, o Bom Velhinho é piscianamente altruísta, doa seu tempo e sua vida a ajudar os outros e trabalha o ano inteiro cercado por ajudantes que habitam os reinos mágicos da imaginação – duendes, elfos e renas que voam. Tão Pisces!

Por fim, a imagem de Santa Claus remete ao simbolismo do eixo Câncer-Capricórnio. Câncer pela atitude maternal que acolhe e nutre as crianças. Capricórnio por seu planeta regente,  Saturno, que nos ensina que não há recompensa sem que as lições sejam aprendidas, com disciplina. Uma coisa colhemos o que semeamos e devemos arcar com as consequências dos nossos atos.

apai NOel do Moinhos de Vento, em Porto Alegre: branco para a chegada

Feliz Natal, vocês! HO HO HO!